quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Bang bang



Um dos livros mais interessantes sobre fotojornalimo, situações de conflito e fotografia se chama Clube do Bang Bang. Conta a história de quatro fotógrafos sul-africanos em Soweto no período do fim do Apartheid, no começo dos anos 90. O livro, escrito por Greg Marinovich e João Silva, conta histórias e uma visão da história daquele momento da África do Sul. Os outros dois fotógrafos do grupo (que na verdade não era um "grupo" formal e sim quatro amigos em uma mesma situação de trabalho) eram Kevin Carter e Ken Oosterbroeck. Oosterbroeck morreu durante um tiroteio, nove dias antes das primeiras eleições democráticas e não raciais, e Carter (autor da discutida foto da criança sudanesa ao lado de um abutre) suicidou-se em meados dos anos 90. Um desmistificador (ainda que delicado) obituário de Carter, publicado na revista Time, em 1994, pode ser lido aqui.

O blog do NY Times publica aqui a história deste livro e destes fotógrafos. Além disso, apresenta um video com imagens narradas pelos dois remanescentes do grupo, Marinovich e Silva.

O livro foi lançado em português alguns anos atrás, pela Companhia das Letras. É facilmente encontrável no Estante Virtual.

Está em fase de finalização (com lançamento previsto para 2010) um filme, dirigido por Steven Silver, com roteiro adaptado do livro.

P.S.: No próximo sábado (22/08, 17h) tem Pipoca e Fotografia no Projeto Contato. Vamos projetar o filme Abaixando a máquina - ética e dor no fotojornalismo carioca. Para a conversa e o chimarrão, os convidados serão Daniel Marenco (da Zero Hora), Gabriela Di Bella (do Jornal do Comércio) e o Mateus Bruxel (do Correio do Povo).

3 comentários:

Anônimo disse...

E um nosso, quando sai?
Eduardo

PhotO disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
* disse...

Adorei teu blog! Parabéns!